Ir para o conteúdo 6 Pular para o menu principal 5 Pular para rodapé 8
Guia Culinário 18/12/2020

O que o diabético pode comer no café da manhã? Veja opções de cardápios

Ficar atento com a alimentação é uma característica comum entre pessoas que possuem diabetes. Afinal, para não terem um aumento repentino da glicose, a doença exige que o consumo diário de carboidratos e outros alimentos que aumentam a quantidade de açúcar no sangue seja sempre regulado. Para te ajudar nessa missão, nós conversamos com a nutricionista Liliam Teixeira, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM), que separou 3 opções de cardápio de café da manhã para quem tem diabetes. Confira!

Para ter um café da manhã saudável, opte por alternativas integrais e priorize o consumo de carboidratos durante o dia

Embora sejam conhecidos como os verdadeiros “vilões da dieta“, os carboidratos, na verdade, são a nossa principal fonte de energia. Assim como outros nutrientes, eles são importantes para garantir o bem-estar do organismo e precisam ser consumidos na quantidade certa para não aumentar o índice glicêmico.

De acordo com a nutricionista, “o diabético precisa ter um grande controle sobre a quantidade de carboidratos que irá comer durante o dia todo pois, se exagerar, a glicose irá aumentar. Ao mesmo tempo, uma das funções importantes do carboidrato é gerar energia. Quando usamos uma opção integral, a glicose acaba ‘subindo’ mais lentamente, sendo essa a melhor alternativa para o diabético”.

A especialista complementa, ainda, explicando que o consumo de carboidratos deve ser priorizado durante o dia (período em que precisamos de mais energia) e ainda mais regulado durante à noite, momento em que iremos descansar e dormir e, consequentemente, precisamos de menos energia.

Opções de café da manhã para diabéticos

Para te ajudar a montar boas opções de cardápio de café da manhã para diabéticos e saber a quantidade certa de porções diárias, a nutricionista Liliam Teixeira separou 3 alternativas!

Opção 1:

– 200 ml iogurte desnatado;

– 1 porção de fruta (como, por exemplo, 1/2 mamão papaia ou 1 banana prata ou 8 morangos);

– 1 colher (sopa) farelo de aveia ou farinha de linhaça.

Opção 2:

– café ou mate caseiro (com adoçante natural, se necessário);

– 1 fatia de pão de forma integral (sem açúcar);

– 2 fatias de queijo minas padrão.

Opção 3:

– limonada caseira (com adoçante natural, se necessário);

crepioca: 1 ovo batido com 1 colher (sopa) tapioca + 1 colher (chá) chia + queijo minas padrão picado (para prepará-la, basta misturar os ingredientes – exceto o queijo – e jogar na frigideira).